Recordar é Viver

Há um ano na Biblioteca Municipal de Vila Porto em Santa Maria, Açores

Dia 19 Outubro sábado e desta vez mais cedo durante a tarde, foi a vez de Iúri Oliveira abrir a mala do mundo da percussão e confirmar que bagagem não lhe falta. Seja literalmente pela quantidade de diversos e fantásticos elementos de percussão que formam o seu trabalho em cada concerto, seja pela formação e experiência musical que este músico traz. O workshop trouxe História, histórias e partilha que terminou com um autêntico brilharete onde todos tocaram e percutiram: palmas, cajons, shakers – havia lugar para todos percutirem ao ritmo de Iúri Oliveira, que mostrou que a percussão não é só “batuques” – afinal, enquanto marcava o tempo e ensinava a plateia ainda tocava 3 ou 4 instrumentos de uma vez.”
(Texto de Roberto Sousa Moura)